Google na telinha

Era uma vez o Google, que tinha a capacidade de ser a marca mais valiosa do planeta e ao mesmo tempo possuir ZERO de orçamento em publicidade. As regras da publicidade “tradicional” ditam que ambas as condições deveriam ser excludentes. Se você não investe em publicidade você se priva de brand awareness e não maximiza corretamente o valor da marca. Gerações inteiras de marketeiros e publicitários foram criados para agir sob este dogma.

Aí vem o Google e caga em cima. A maior empresa de publicidade do planeta historicamente confiou no boca-a-boca para virar um gigante. O mundo como nós o conhecemos chega ao fim, as trombetas do apocalipse soam, tudo o que você acredita ser verdade é falso, a Matrix termina em um Blue Screen of Death.

E essa semana, o Google se rendeu à publicidade televisiva para vender o seu navegador, o Chrome. Navegador este, aliás, que eu uso para escrever este post. Eu sou tiete do Google, e estou em sentindo uma donzela traída. Tudo bem que a Microsoft vive tomando processos por práticas anticompetitivas por conta do Internet Explorer e que acabar com a total hegemonia do IE, mesmo sendo o pior navegador do planeta, vai ser uma tarefa complicada. Mas será que não existem maneiras mais inteligentes de uma empresa 100% focada em Internet de torrar o seu rico dinheirinho?

Uma resposta para Google na telinha

  1. […] alguns anos que a empresa – conhecida por sempre confiar na propaganda boca-a-boca e que, até recentemente, tinha um orçamento anual de US$ 0,00 para a publicidade tradicional – emplaca como uma das […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: